terça-feira, 5 de agosto de 2008

Vou falar...


"Brasil, meu Brasil Brasileiro
Meu mulato inzoneiro
Vou cantar-te nos meus versos
Ô Brasil, samba que dá
Bamboleio, que faz gingá
Ô Brasil do meu amor
Terra de Nosso Senhor ..."


Os fãs de João Gilberto que me perdoem. Sei quem ele é, sei da importância dele na música brasileira, mas preciso dizer isso. Como é que um cantor nacionalista faz um show no próprio país e cobra R$2.100,00 em um ingresso? Entendo que não é ele quem estipula o valor, mas me parece muito contraditória essa situação. Vamos pensar um pouco. Uma banda internacional quando vem ao Brasil dá despesas nas passagens de avião, no transporte dos instrumentos, na hospedagem e blá blá blá... Mesmo assim, uma banda gringa não cobra nem metade do valor cobrado no camarote para o show dele no Rio de Janeiro, que acontecerá no próximo dia 24. Não quero desmerecê-lo, nem falar mal da música dele e muito menos dizer se esse preço vale ou não para vê-lo. Só achei um tanto quanto irônico pagar mais de dois mil para ver alguém nacionalista. Pronto, falei!

4 comentários:

Bruna. disse...

levando em consideração que ele é um dos precurssores da bossa nova, e que a bossa é um estilo musical elitista, não acho absurdo o valor do ingresso hahaha.

João Gilberto não é pro povão, por mais nacionalista que ele queira ser!

bjo.

Tom di Sá disse...

A Bossa sempre foi um movimento elitista. É revoltante. E vc sabe como sou fã de Gilberto, Tom, Vicius, Baden...

Concordo com vc em gênero, número e grau. A genialidade não deveria ser reverenciada como um elixir de Deuses e sim, tratada como patrimônio público.

Essa vaidade e essa comercialização são coisas que levam a idolatria à falência.

Nós pobres, vamos todos morrer sem ver um show de João Gilberto.

O Fabrício ohohohoh disse...

Vale lembrar que tinha ingressos a partir de R$30,00 reias e penso que se as pessoas pagam (tanto é que esgotou) ele tem o direito de cobrar quanto quiser, apesar de achar um absurdo!

Por isso vou ver Adriana Calcanhoto a R$5,00 que consigo pagar!

Bjoooo

O Fabrício ohohohoh disse...

Uma ressalva a Bossa nasceu e criou elitista, acho que vai continuar assim!